Indicação de Livros

Todos os livros a seguir já foram publicados em português e são bastante indicados pela maioria dos bruxos e bruxas.

Livros que todo(a) bruxo(a) tem que ler
- A Bruxaria Hoje (Gerald Gardner)
- O Significado da Bruxaria (Gerald Gardner)
- Dança Cósmica das Feiticeiras (Starhawk)
- O Culto das Bruxas na Europa Ocidental (Margaret Murray)
- Enciclopédia da Bruxaria (Doreen Valiente)
- Aradia, o Evangelho das Bruxas (Charles G. Leland)
- Os Mistérios Wiccanos (Raven Grimassi)
- Oito Sabás Para Bruxas (Janet e Stewart Farrar)

Livros para iniciantes
- ABC da Bruxaria (Claudiney Prieto)
- O Poder da Bruxa (Laurie Cabot)
- Wicca, a Bruxaria Saindo das Sombras (Millennium)
- Revelações de uma Bruxa (Márcia Frazão)
- Wicca, a Religião da Deusa (Claudiney Prieto)
- A Arte, o Livro das Sombras de uma Bruxa (Dorothy Morrison)
- Wicca, um Estilo de Vida, Religião e Arte (Raymond Buckland)

Nível intermediário
- A Religião da Grande Deusa (Cláudio Crow Quintino)
- Autodefesa Psíquica (Dion Fortune)
- Elementos da Deusa (Caitlin Matthews)

Para praticantes solitários
- Guia Essencial da Bruxa Solitária (Scott Cuningham)
- Wicca para Bruxos Solitários (Claudiney Prietto)
- Vivendo a Wicca (Scott Cuningham)
- O Anuário da Grande Mãe (Mirella Faür)

Tradições ou linhas específicas
- Bruxaria Hereditária (Raven Grimassi)
- Wicca Gardneriana (Mario Martinez)
- The Witche's Bible (Janet e Stewart Farrar)
- Wicca Brasil (Mavesper Cy Ceridwen)

Druidismo e cultura celta
- O Livro da Mitologia Celta (Cláudio Crow Quintino)
- Os Druidas (Ward Rutherford)
- Os Celtas (Robin Place)
- Contos da Mitologia Celta (Laura Vasconcellos)
- Histórias da Mitologia Celta (Laura Vasconcellos)
- Merlin, O Mago (Jean Markale)
- Os Mitos Celtas (Miranda Jane Green)
- Os Mitos Celtas (Pedro Pablo May)
- Mitos Celtas Vol. 1 - Mitologia (Sally Jenkinson)
- Mitos Celtas Vol. 2 - Mágica e Reis (Sally Jenkinson)
- Mitos e Lendas Celtas (Charles Squire)
- Mitos e Lendas Celtas - Irlanda (Angélica Varandas)
- Tristão e Isolda (Joseph Bedier)

História
-
A Deusa Branca (Robert Graves)
- O Ramo Dourado (Sir James George Frazer)
- O Deus das Feiticeiras (Margaret Murray)

Ficção
- As Brumas de Avalon (Marion Zimmer Bradley)
- Hagar, o Horrível (Dik Browne)
- As Aventuras de Astérix (Alberto Uerzo e R. Goscinny)
- A Casa da Floresta (Marion Zimmer Bradley)
- A Senhora de Avalon (Marion Zimmer Bradley)
- Harry Potter (JK Rowling)

GUIA DE ESTUDO PARA INICIANTES

Este guia foi criado para quem está começando a estudar Bruxaria e quer ter uma linha a seguir. 
Lembrando sempre, que  há muitos direcionamentos para você escolher, e talvez você siga uma Tradição, um coven.
Sou Uma Bruxa Solitária por escolha, pois assim atribuo a minha liberdade no meu caminhar, e não esqueço um minuto se quer de minha responsabilidade ampla e necessária, permanente em meu caminhar.
Sinta-se à vontade para adicionar suas próprias contribuições, pois o estudo é pessoal. 

História da Bruxaria
- Como eram as formas de religiosidade no período Paleolítico
- O surgimento do culto a uma Deusa da fertilidade e ao Deus das caças
- Mitologias antigas
- Como o casal divino era cultuado nas religiões antigas
- Como a divindade era vista nas civilizações antigas
- O surgimento do Cristianismo
- A resistência pagã na Gália e na Britânia
- Fusões entre crenças pagãs e cristãs na Europa
- A Bruxaria sendo repassada de maneira oral
- Costumes africanos relacionados à magia
- Bruxaria no Brasil colônia
- Por que as Inquisições surgiram
- O renascimento da Bruxaria do início do século XX até a década de 1950
- O impacto do feminismo e do movimento hippie na Wicca
- O papel dos Estados Unidos na divulgação da religião
- Início das atividades públicas pagãs no Brasil
- O Paganismo nas lendas indígenas 

Princípios & Crenças
- Quais as divindades que as bruxas e os bruxos acreditam?
- Qual a relação que se tem com tais divindades?
- A diferença entre a crença nos deuses pagãos e no Deus cristão
- A importância da Terra e da Natureza
- O conceito de imanência
- Os "dogmas" da Wicca
- Diferenças de crenças entre práticas pagãs distintas

Comportamento
- Pensamentos e ações de um bruxo ou bruxa - eles se confrontam? eles se completam?
- A relação com a Natureza
- Reciclagem e outras formas de contribuição ao meio-ambiente
- O impacto do aquecimento global
- Crenças cristãs que ainda podem estar enrraizadas e os motivos - como trabalhá-las?
- O que impede alguém de praticar livremente
- Princípios da Bruxaria e do Paganismo dentro de cada um 
- Reflexão sobre o sacerdócio - qual seu papel para a religião?
- Contemplação da Natureza: mar, vento, estrelas, astros, plantas etc. 

Influências Externas

- O impacto das Inquisições naquela época e ainda hoje
- O preconceito resultante da relação entre a política e as religiões
- Por que há muitas pessoas procurando a Bruxaria hoje? 


Divindades
- A Grande Mãe
- O Deus Cornífero
- O culto ao casal divino na Wicca e em outras vertentes
- Mitologias que ainda sobrevivem
- As faces de uma mesma Deusa e de um mesmo Deus
- Monoteísmo, duoteísmo ou politeísmo? 

Teoria da Magia
- Diferença entre evocações e invocações
- Magica branca X magia negra
- Energia e poder - o que são, na Bruxaria?
- Os quatro elementos e o alcance do éter
- Reflexão sobre os quatro elementos em tudo o que existe
- Estudos sobre os arcanos maiores e menores do tarô 

Instrumentos Mágicos
- Por que usar instrumentos mágicos?
- Os quatro principais instrumentos e sua relação com os elementos e os naipes do tarô
- Formas de consagração dos instrumentos mágicos 

Práticas
- O significado, importância e uso do círculo mágico
- Maneiras de se lançar um círculo
- O conceito de elementais, lares e outros seres mágicos
- Conexão e equilíbrio com os quatro elementos em nosso corpo
- A energia mágica das plantas
- Preparo de poções, unguentos, pós, cataplasmas e filtros com ervas
- Cultivo e armazenamento das ervas
- Correspondências mágicas
- Criação de rituais e feitiços
- Etapas dos trabalhos mágicos
- Criação, elevação e direcionamento de energias
- Confecção de talismãs e amuletos
- Exercícios de respiração, relaxamento, visualização, centramento, aterramento etc.
- Uso de oráculos
- Auto-defesa psíquica 

Roda do Ano
- A influência da Lua em nossas vidas
- A importância do Sol para a humanidade e o planeta
- Os festivais celtas da colheita
- A distorção do Halloween
- Semelhanças e diferenças entre celebrações cristãs e pagãs
- O motivo pelo qual celebramos as mudanças de fases da Lua
- As quatro estações
- Características de sua região durante toda uma roda
- Modo de celebrar cada sabá e esbá
- A energia de cada dia da semana
- Horas mágicas - o que são e para que servem
- Costumes relacionados a cada sabá
- Lua Negra e a sombra 

Tradições & Vertentes 
- Definição de tradição
- A importância da iniciação nas tradições
- Formação de grupos e covens
- Prática individual X prática em grupo
- Tradições e vertentes conhecidas - suas diferenças e semelhanças
- Inserção de mitos brasileiros nas práticas pessoais
- Bruxaria tradicional X Bruxaria moderna 

Em nosso estudo incluimos também Filosofia, tratamentos terapêuticos, Esoterismo, Herbologia entre outros.
O estudo na Bruxaria é muito amplo, precisamos adentrar em muitos caminhos paralelos, para compreendermos o caminhar poderoso e mágico da Bruxaria em sí.
Quanto mais conhecimentos é adquirido, mais a Bruxa e o Mago obtém poder mágico.
Entre a Teoria e a prática, galgamos o mundo mágico do conhecimento, que só nos beneficia, assim transformando a nossa vida bem mais mágica e completa.
O conhecimento nos faz crescer e fortalece nosso sucesso e bem viver.
Só por isso já somos beneficiados no VIVER!
Nada se perde ao trilhar o mundo dos conhecimentos, mas adquirimos algo muito mágico que chamo de SABEDORIA!Bruxos e Bruxas estudam sempre porque o aprendizado nunca acaba.
Então, bom estudo.

- Por Bruxa Jade Fênix

Caminhando sob a Senda Mística


Ao enveredar no caminho obscuro da Senda Mística olhe-se diante do espelho e verás o que te espera – Conhecer a Ti mesmo.
Conhecer a si mesmo não é se fechar sob a caixa de pandora e exigir que se abra.Nem acreditar que somente aquilo que vê e sabe é real.Tente olhar com o olho do outro.Há coisas que somente podem ser vistas e entendidas pelo ponto de vista do outro.Somente assim poderá aprender o que o outro escreveu e ensinou.

E então poderá despertar o seu mestre interior e ver com seus próprios olhos.Ao adentrar no olho do outro aprenda como se faz,porque se faz e o que se faz.E ao retornar a olhar com seus próprios olhos, respire fundo e faça.

Nenhum conhecimento pode ser declarado conhecimento se não houver ação.Se criares barreiras entre o seu modo de ver e o dos outros,viverá fechado e comprimido em si mesmo.Ao ver com os olhos dos outros,poderá entendê-los e saber o que realmente estão pensando.Quando aconselha alguém com o seu ponto de vista na intenção de dizer o que você faria em vez de entender o que ele deve fazer do ponto de vista dele,comete um sacrilégio contra a vontade humana.

Por isso,é importante não tentar entender ou julgar os outros pelo seu ponto de vista.Ninguém tem o direito de viver a vida do outro,principalmente fazendo-os enxergar apenas a nossa vida como exemplo,por achar, de forma egoísta, que sabemos exatamente como eles devem viver.Quando lemos um livro importante ou quando somos guiados por um mestre espiritual conhecemos o que os outros pensam.

Ser guiado não é o mesmo que ser alienado,alienação e entregar aos outros a sua vontade.E é por esse motivo que se procura conhecer a si mesmo e despertar seu mestre interior para poder enxergar com os próprios olhos.

Aquele que caminha sob a Senda Mística pode ser acusado de fugir ao problema no que se refere à verdade, ainda que não descubra a “verdade em si”, irá descobrir que tudo possui uma questão cultural, uma falsa consciência e muitas circunstâncias desconhecidas,
relevantes para sua descoberta.

Na realidade, se acreditarmos já possuirmos a verdade, perderemos o interesse em descobrir as próprias intuições que nos conduziriam a uma compreensão aproximada e não estaríamos prontos para entender os dogmas e os paradigmas que criamos.

Os paradigmas são modelos, diretrizes, formas de pensamento ou caminhos e teorias que construímos.Ao romper um paradigma surge um outro, ao quebrar uma regra forma-se outra.Se disser que não “existe regras e que tudo é feito pela vontade”, acaba formando uma nova regra.
Quando se muda um paradigma não significa falta de lei ou de ordem.Tudo tem um significado e uma representação,mesmo sendo nós os grandes produtores desses paradigmas.

Para isso,não podemos enxergar apenas pelo meio da causa e efeito ou pela ação e reação.Em um tudo há um significado ou uma representação.Há um significado na causa e outro no efeito.
Até mesmo o acaso possui um significado.

Eles podem representar uma manifestação da vontade e da lei.Ao conceder a experiência mística o único meio adequado de se revelar ao homem sua natureza e sua espiritualidade,ainda é preciso admitir que o elemento inefável almejado para adentrar na senda do conhecimento espiritual não pode ser possível sem uma mudança de postura,autoconhecimento,de conhecimento social e cultural estabelecido pelos conceitos éticos e morais.

O conhecimento cognitivo que se processa no interior do cérebro não é suficiente para embrenhar na Senda Mística.Este conhecimento lógico não é a única forma de aprendizagem.
É preciso um conhecimento de sensibilidade,que venha do tato e que não passa apenas pelo cérebro.

É necessário visualizar,pegar,sentir,tatear com as mãos,abstrair e concretizar conhecimentos para poder imaginar e despertar a Fé em si mesmo.
Nenhum conhecimento está centrado exclusivamente no cérebro,mas também nos sentidos,na percepção e na intuição.

As bases fundamentais são:
Conhecer a ti mesmo,a Fé,Conhecimento e a Vontade.

Conhecer a ti mesmo é o primeiro desafio para obter consciência de si mesmo e do que é capaz.
Não se pode dizer que conhece tudo o que está ao redor se não conhece a si mesmo.Somente conhecendo sua divindade e seu demônio saberá o que é capaz de fazer.

O segundo desafio é a Fé em si, revelar sua divindade interior.A Fé é mais que um requisito é a sublime transparência do Sou.A manifestação do Sou reflete a força interior e exterior que desnuda o que está dentro de si, a Fé.

O terceiro desafio é o Conhecimento.Conhecer é aprender,seguir o coração,o seu corpo,sua mente e seu espírito no caminho da espiritualidade e da evolução do ser humano.O conhecimento está estritamente ligado com todos os sentidos da natureza humana,e é o que dará o impulso no movimento de suas forças.

O quarto desafio é a Vontade e está intrínseco a todos desafios.É impossível obter sucesso se não houver vontade.Não há base única,nem deve ser visto com pessimismo o fato de não possuir nenhum desses atributos,porém,para permanecer na Senda é preciso,no entanto,buscar estes desafios tornando-se uma pessoa de ação.

Engana-se aquele que acha que tudo é simples.Na realidade a simplicidade das coisas está na complexidade do que é.Somente com predisposição de aprender e humildade poderá,então,seguir adiante caminhando pela Senda Mística.


By João Coutinho  em Arte Mágicka - Filosofia Oculta

Todos os dias, alguém me pergunta o que é ser uma bruxa.
Esta é uma pergunta fácil e difícil de explicar.
Uma bruxa é, antes de tudo, alguém que está em contato
com energias sutis. Olhamos ao nosso redor e vemos mais
do que matéria. Vemos o íntimo, o Espírito das coisas nas
coisas. E trabalhamos com este espírito.
Se você olhar a seu redor, verá que tudo se compõe de uma
troca de energias entre você e o seu ambiente. A física nos
coloca que o Universo inteiro é composto de energia.
Essa energia possui freqüências diferenciadas. Da mesma
forma que a luz pode se decompor em cores, a energia básica
do Universo se fragmenta em diversas manifestações físicas e
mentais. Na origem da criação, existiam apenas algumas formas básicas de partículas
que foram se diversificando e formam hoje tudo o que você vê,
e até o que você não vê.

Os átomos que compõem tudo o que existe daqui ao infinito
são partículas fundamentais que se atraem ou se repelem.
E a força que faz com que esta atração ou rejeição aconteça
é uma energia que ninguém ainda conseguiu definir. Alguns
chamam de Acaso, outros de Deus, outros simplesmente de
Universo. Qualquer que seja a imagem que o Homem crie
para definir esta Força, nós bruxas acreditamos que existe
uma vontade de fazer com que as partículas se agreguem ou
desagreguem. Esta idéia permeia um princípio básico da
Magia: o princípio de que tudo o que ocorre possuiu uma
Vontade em sua base.

Outro dado é que a Física hoje já trabalha com a hipótese
de que o observador altera o comportamento do objeto
observado. E o que para os físicos é novidade, para nós,
bruxas, é algo antigo e comprovado.
Em síntese, a Magia consiste em trabalhar em estado
alterado de consciência para entrar em contado com
as Energias Básicas por trás das coisas; e manipular
sua manifestação de acordo com a Vontade Maior do
Universo, em sintonia com a vontade da bruxa.

Dois elementos básicos entram na composição desta
manipulação: a crença de que é possível e o desejo
sincero de se conseguir esta manipulação. Dois
elementos poderosos - fé e desejo - que podem
modificar tudo que existe em você e fora de você.
Isto é Magia. Isto é ser bruxa!

By Jeane Silveira em Witch Club House

Ser Bruxa III

"Sєr вrυxα ŋãσ é ѕσмєŋтє υѕαr rσυρα ρrєтα,ѕєr υмα ρєѕѕσα "điƒєrєŋтє",тєr ђáвίтσѕ qυє єѕтãσ єм đєѕαcσrđσ cσм αѕ rєgrαѕ gєrαίѕ.
Sєr вrυxα é υм єѕтαđσ đє єѕρírίтσ.É cσмραcтυαr cσм α ŋαтυrєzα є cσм тσđσѕ σѕ ѕєrєѕ νίνσѕ ŋєlα.
É єŋтrαr єм мєđίтαçãσ ŋσ συтσŋσ;É αrмαzєŋαr αѕ єŋєrgίαѕ ŋσ ίŋνєrŋσ;É rєŋαѕcєr ŋα ρrίмανєrα;É вrίlђαr ŋσ νєrãσ!
Sєr υм ѕєr ђυмαŋσ cσмρlєтσ,e αѕѕίм cσмσ σѕ αŋίмαίѕ,ƒαzєr ραrтє đσ cίclσ đα νίđα,ѕєr ραrтє ίŋтєgrαŋтє đєѕтє ναѕтσ υŋίνєrѕσ.αѕѕίм νєrємσѕ qυãσ вєlσ é σ đσм đα νίđα є σ qυє ρσđємσѕ ƒαzєr cσм єlα.
Sєr вrυxα é ƒαzєr σ мєlђσr đє ѕί є ѕєr σ мєlђσr ραrα тσđσѕ.
É тєr мαgία ŋσѕ αтσѕ мαίѕ ѕίŋgєlσѕ,νєr α вєlєzα đσ ŋαѕcєr đє тσđαѕ αѕ cσίѕαѕ αѕѕίм cσмσ υм ŋαѕcєr đσ ѕσl.
Qυє ŋóѕ вrυxαѕ ρσѕѕαмσѕ тrαzєr αѕ rαízєѕ đє υм ѕєr ђυмαŋσ тãσ đίѕтαŋтє đα αтυαl rєαlίđαđє đσ мυŋđσ.
Alєgrємσ-ŋσѕ ρєlσ đσм đє ρσđєr ѕєr вrυxα є ƒαzєr ραrтє đєѕтα grαŋđє єŋєrgία: α мãє ŋαтυrєzα"

O Chamado

Por Jesse Wolf Hardin, do Grey CouncilEscolhido de Deus

Você é chamado... Não tenha nenhuma dúvida quanto a isso! Chamado pela Terra e pelo Espírito a viver uma vida mais intensa e mágica. Chamado a pagar qualquer preço - e receber qualquer recompensa - na busca pela Verdade e Aventura.  Chamado a alçar seus seis sentidos e desenvolver todas as qualidades possíveis - tudo a serviço de um propósito profundo e determinado.

É um irresistível chamado das sereias, que ecoa das cavernas de seu antigo passado tribal, bem como dos redutos ainda não vistos do futuro. Ele toca o coração, causa um formigamento na pele e agita os pés para dançar. Ele o leva a saltar sobre os muros da convenção e do hábito, a escapar para o mundo de seus sonhos e a realizar sua missão mais heróica. Às vezes, é apenas um suave estímulo, como se uma fada com asas de seda gentilmente sussurrase em seu ouvido. Outras vezes, o chamado é um rugido tão alto, que você fica surpreso com o fato de as outras pessoas não o ouvirem.

É possível que você tenha se sentido um pouco diferente dos outros desde a infância. Provavelmente, vivenciou coisas com mais intensidade que as outras crianças, chorando por mais tempo, rindo mais alto - amando, brincando e tentando com mais força. Ser "normal" jamais pareceu ser o seu objetivo. Diferente dos amigos e colegas de escola, que decidiriam ficar entorpecidos para se ajustar, você preferiu sua própria solidão especial ao embotado mundo do mundano. você jamais deixou de acreditar em milagres e mágica, mesmo quando se tornou um especialista em expor ilusões e mentiras. Não importa de onde você venha, seu "lar" é o estado de Admiração.

(...)

Ser chamado é ser destinado - destinado a cumprir um propósito essencial e significativo; destinado a empregar seu poder e práticas a serviço de uma causa crucial. Mas diferentemente da "Sorte", o Destino requer sua participação consciente e voluntária. Contudo, cada dia representa uma outra chance de se esconder e ficar inativo; de negar seu chamado sagrado ou evitar as responsabilidades de sua missão. E, do mesmo modo, cada momento é decisivo - outra oportunidade de fazer a magia acontecer, de espalhar amor e realizar coisas boas... de cumprir nosso destino e viver plenamente nossa crença mágica.

A Luz e as Sombras

Os Caminhos

e4

O Caminho da Luz é o Caminho dos humanos e o Caminho das Sombras é Caminho dos Deuses.

O Caminho da Luz é limitado no tempo e no espaço, no entanto O Caminho das Sombras é eterno e infinito como a própria Vida.

O Caminho da Luz é auto-criado, no entanto O Caminho das Sombras existe desde sempre por sempre, Âmen.

O Caminho da Luz está em permanente evolução, mas o Caminho das Sombras não precisa evoluir pois é perfeito em si mesmo, já que o Ser que o trilha é plenamente livre em todos os planos da Criação.

O Deuses vivem no interior dos humanos ocultando-se da Luz, pois ela é a prisão e o castigo de todos os tempos.

Tempos que não precisariam existir se não fosse pelos luminosos raios que insistem em dominar as Sombras.

Dominar, subjugar, destruir; a Luz é mente e o que a mente não entende o destrói, e o faz antes que enfrentar seu temor ao desconhecido, temor ao que não se pode Nomear, ao Incognoscível: o Criador que habita nas Sombras de cada Ser que povoa este planeta.

Mais além de tudo isto encontra-se a Verdade -Una e indestrutível- que de longe observa os seres e a Luz, suas Luzes e as Sombras.

Mais além de tudo isto encontra-se a mentira, que esconde a Verdade em si mesma em uma vã tentativa por dominá-la.

Mas que seria dos humanos sem a Verdade e a mentira?

Que seria dos Seres sem a Aurora que apresenta-se todos os dias anunciando uma nova etapa de tempo para o eterno recomeço e morte, de Vida e separação, de noite e de dia?

Que seria deles se somente existissem as Sombras? Como interpretariam um mundo sem Luz?

Por isso, a Luz, a mente, ainda é necessária, mas chegará o momento no qual as Sombras reinarão absolutas novamente sobre os cadáveres dos maus pensamentos que logicamente espalham-se sem que nada os possa conter.

Não devemos confundir Luz e Sombras com o bem e o mal; a Luz é a mente, o externo, e as Sombras são o interno, a conexão total e irrestrita com o Universo Infinito; é o Ser totalmente alinhado, identificado e permeado pelo Um, pelo Todo, por tudo e por todos.

Mas faltava, faltava a expressão do Amor, e assim surgiu a Luz, a expensas da pureza, tornando-se as Asas do Amor.

O vôo da Luz encheu de tempos, espaços e esquecimentos o Universo, e os Seres aferraram-se a ela esquecendo o motivo real de sua existência.

Esse é o drama que se desenvolve hoje entre os seres humanos: o esquecimento; esquecimento que tornou-se des-Amor, fora do Amor, fora da realidade real, passando a habitar entre a ilusão de que tudo é Luz, e que somente a Luz é boa pois nela habita o Amor.

Que enganados estão! Que ilusão tão grande!

E assim vão os seres, procurando o Amor na Luz, procurando entendé-lo através dela.

Mas assim como nunca entenderemos um pássaro através de suas asas, da mesma forma, jamais entenderemos o Amor através da Luz, através da mente, através dos pensamentos.

O Amor surge, ainda que não se entenda como nem porque; assim foi, assim é e assim sempre será.

Somente podem entender e perceber, viver e desfrutar o Amor nas Sombras, por ela, nela e através delas, pois elas são Amor puro, sendo que a única forma de viver a experiencia que o Amor proporciona é através de suas verdadeiras asas: a Paixão!

Paixão por tudo, pelo Todo, por todos, pela Vida!

Por Debora Rocco

Imagem: google

A Deusa Mãe

“A espera termina…Quando eu me coloco a caminho”

 

Esperamos um novo dia, uma nova casa, um novo namorado/a, dinheiro, um novo trabalho, que a situação melhore, e “n” coisas para poder se feliz, para se curar, para estar bem, para…

Enquanto isso não vivemos, porque estamos…a espera de algo!

Algo que nunca vai chegar a não ser que comecemos a caminhar em direção a essas coisas.

Ter ou alcançar o que desejamos só depende de nós; sei que é uma frase “trilhada”, mas é isso mesmo, e quando o compreendemos realmente, lá em nosso interior, percebemos que podemos ser felizes no agora, e podemos encarar o futuro próximo como um caminho aberto a todas as possibilidades que possamos imaginar.

Caminhar, no sentido literal e metafórico é algo muito divertido se sabemos para onde vamos e se gostamos do lugar a onde queremos chegar.

Nossas metas e desejos são o lugar mais encantado que podemos visitar, um lugar onde podemos tirar ferias da espera para ser felizes.

Mas essas ferias podem se tornar permanentes se as assumirmos como nosso passatempo diário de caminhar em direção a nossa felicidade; e para isso só precisamos dar pequenos passos a cada dia, um depois do outro, saboreando cada instante e agradecendo à Deusa porque nos deu pés, 2 pares, os nossos físicos e outro par alado para “voar” em direção ao nosso verdadeiro destino: a felicidade!

A Deusa me olha desde os desenhos das páginas do meu caderno e sorri, como uma mãe quando olha para sua criança e a vê dar os primeiros passos.

Assim como a mãe-mulher, Ela, a Mãe-Deusa, sabe que são so primeiros e que por isso são inseguros, mas também sabe que cresceremos e que os seguintes serão cada mais firmes e seguros.

Assim como a mãe-mulher coloca longe as coisas que a sua criança deseja, para que ela caminhe movida pela vontade de alcançá-las, assim a Mãe-Deusa as vezes coloca longe de nós aquilo que desejamos, para que possamos desenvolver a firmeza e a segurança que vamos precisar mais adiante para alcançar outras coisas mais importantes.

E é sempre assim, damos alguns passos e alcançamos o que desejamos, e temos de nos colocar a caminho outra vez para alcançar mais, para ir além do horizonte.

E a cada meta alcançada, a cada objetivo realizado, nos sentimos mais confiantes, firmes e seguros de nossas capacidades.

Assim como a mãe-mulher fica em volta da sua criança para recebê-la em seus braços se ela se cair, para que não se machuque, assim a Mãe-Deusa fica ao nosso redor para nos apoiar e segurar até que alcancemos o que desejamos.

Então, nos momentos em que estamos caminhando em direção aos nossos objetivos é quando a Deusa-Mãe está mais próxima de nós, cuidando para que cheguemos a ele em segurança.

Por isso, não tenha medo de caminhar, de dar seus primeiros, segundos e “n” passos em direção aos seus objetivos porque você tem a melhor guardiã que qualquer ser pode almejar: A Deusa-Mãe!

By Magia Bruxa / Debora Rocco

 

O PASSADO, O PRESENTE E O FUTURO

 

Por Debora Rocco (Magia Bruxa)

Folhas, Flores e Frutos de um Novo Amanhecer

Um amanhecer que já vai longe em seus passos mas que demora em aparecer, em se fazer visível; a Noite Escura estende suas garras em uma inútil tentativa por aprisionar o novo dia.

Os tempos encerram-se em si mesmos, menos o presente, pois ele pode tomar outras direções, pode romper com o passado e determinar outro futuro mais ameno para quem se atreve a fazê-lo.

 

O presente se move na vertical, nos proporcionando a possibilidade de “n” escolhas: entre o micro e o macro cosmos, entre o Universo e nós, entre a OsTempos_zps8d177679Luz e as Sombras… Entre voar a um novo destino ou se afundar no que não pode ser.

Só no presente somos livres, e nessa liberdade radica nossa vida, mas é de grande responsabilidade o fato de ser livre, porque isso nos torna o que queremos Ser a partir de nós mesmos e não do que nos foi imposto pelo passado.

O passado é uma grande teia de aranha e não é fácil se soltar dela, pois nosso eu passado cria nosso eu presente e o ata na teia em uma tentativa de proteção e segurança; isso gera um vazio no futuro e deixamos de viver por medo e insegurança.

Melhor viver presos na teia do passado que se arriscar e se machucar (pensamos).

 

Essa teia é feita pelas nossas crenças, pelos nossos temores, pelos nossos medos. Medo de mudar, medo de caminhar, medo de se mostrar, medo de ser criticado, medo de não ser aceito.

Medo de não cumprir com as expectativas dos outros, medo de teia1_zpsc6281978ser originais, medo de não ser como os outros, medo de não pertencer a uma “tribo”, medo, medo, medo…

Medo da separação e da morte, mas ironicamente é tudo isso o que nos mantêm afastados de tudo e de todos; é esse emaranhado de medos que nos mantêm presos no passado, nos impedindo de viver o presente, destruindo assim nosso futuro.

- Como se livrar da teia?

-Como romper com ela?

amanecer2_zps2b25ad26

Fazendo, atuando, se mostrando, aparecendo, ressurgindo… Renascendo!

Não se pode mudar o passado no passado, mas sim se pode mudá-lo no presente, com vontade, com a nossa vontade para o nosso Caminho.

-Antes era assim, mas agora no presente podemos fazer diferente, diferente do que era para ser e não queremos ou não nos serve.

A grandes problemas, grandes soluções, uma reviravolta se faz necessária para romper com o passado e plantar um futuro desejado.

Cada um deve honrar seus ancestrais, mas isso não significa viver como eles, porque a Vida precisa seguir seu curso segundo a Lei de Renovação.

Sempre procuramos a segurança e o conforto; sair da teia, romper com ela significa romper com essas duas coisas, com esse estado do ser.

É seguro viver no medo, atado ao passado, é confortável não se mexer, é seguro evitar ser julgados pelos nossos atos, para isso só precisamos da imobilidade que a teia nos proporciona.

 

Mas essa imobilidade nos leva à cristalização eamanecer3_zpscb5141e4 primeiro morremos interiormente pela não-vida que escolhemos, depois a morte nos alcança e nos leva em seus braços para o seio da Mãe Terra, para que possamos nos reconstruir e tentar uma vez mais criar uma espiral de vida real, um caminho reto e sem final, um caminho rumo à imortalidade do corpo e da Alma, mas não do espírito porque ele é a pequena aranha que tece a teia, era após era prendendo nosso presente, se alimentando de nossa energia mais densa: o medo!

Porque ele tem medo, medo de deixar de existir, de deixar de ser.

Ele é nosso espelho e o medo é reflexo do medo dele, então é preciso se livrar das ataduras do passado, é preciso deixar de ser o reflexo das experiências anteriores para poder criar um novo caminho de evolução.

Imagens: Rodrigo_SoldonM. Martin VicenteHerbolario AlliumJKroz

AFASTE-SE

De fato estamos cercados de pessoas tóxicas.
Pessoas que são egocêntricas, manipuladoras, interesseiras, arrogantes, rancorosas, amarguradas, mal amadas, invejosas ou fracassadas, que não conseguem ver o sucesso ou a felicidade alheia. Enfim, pessoas sombrias que minam os relacionamentos e amizades com intrigas, críticas excessivas, falta de consideração e respeito pelo outro e abusos verbais ou físicos. Pessoas muito perigosas de se conviver.vamp
Essas pessoas tóxicas acabam, de alguma forma, nos envenenando. Direta ou indiretamente, acabamos agindo por influência delas, seja com atitudes ou omissões. Muitas vezes acabamos agindo por impulso para evitar essas pessoas, ou, na pior das hipóteses, acabamos agindo da mesma forma. São pessoas nocivas, intoxicando nosso comportamento e nos levando a agir e a tomar decisões que, em outras circunstâncias poderiam ser completamente diferentes.
São "tóxicas", porque conseguem despertar o que há de pior dentro de nós, não apenas no sentido de maldade ou crueldade, mas no sentido de perdermos a identidade, a autonomia, a energia, a iniciativa e o poder de decisão. Ficamos estagnados, hipnotizados, paralizados. São verdadeiros vampiros, sem Luz própria, que consomem nossa energia vital, que exploram e manipulam pessoas de acordo com os seus interesses e vivem às custas da energia dos outros para se sustentarem.
Tóxicas são aquelas pessoas que sabem tudo a respeito da vida das outras pessoas, mas não conseguem administrar a própria vida. Sabem dar conselhos como ninguém (há até terapeutas nessa categoria!) tem um discurso lindíssimo para o mundo lá fora, mas que, na vida pessoal, nos bastidores, na vida íntima, são pessoas frustradas, isoladas, verdadeiras ilhas no meio da sociedade, que não tomam para si os próprios conselhos.
Sabem olhar de fora, apontar defeitos, problemas, erros. Mas não sabem participar, não conseguem enxergar os próprios problemas ou defeitos. Apontam os erros alheios para, de certa forma, esconder os seus próprios. São os "sabe-tudo" e só a sua forma de pensar é que está certa. Não suportam ser contrariados e confrontados. Quando o são, perseguem a pessoa até "livrarem-se" dela ou então se vingam. Seu Ego é Superlativo para compensar a sua extrema falta de Amor-Próprio. Usam as pessoas conforme seus interesses e, quando estas discordam de suas idéias, são descartadas e eliminadas, sem a menor consideração.
A "toxicidade" reside exatamente no fato de não nos darmos conta de que estamos sendo manipulados ou influenciados. Ficamos hipnotizados, fascinados, imersos numa imensa ilusão, até o dia em que despertamos e tomamos consciência de que estamos muito mal, morrendo por dentro, e que algo urgente necessita ser feito. Um corte para a nossa libertação, para resgatar a nossa sanidade, saúde, alegria de viver.
Em nossa busca pela felicidade, por tudo aquilo que nos traz bem-estar e alegria, o grande segredo é não se deixar influenciar, se afastar e evitar a convivência com esses tipos. Isso não significa alimentar sentimentos negativos dentro de si com relação a eles, mas de preferência visualizá-los felizes e agradecidos em sua vida, emanando energias e vibrações positivas.
Reflita, você convive intimamente com alguma pessoa tóxica, seja na família, no trabalho, ou nas "amizades"?
Tenha cuidado, afaste-se, fique longe o quanto antes dessas pessoas...
Cuide-se, preserve-se, seja você mesmo, seja pleno e feliz..
E acima de tudo SEMPRE perdoe essas pessoas,
muitas vezes, elas não tem consciência de seus proprios malefícios.
Namastê!

By Lua Nua

O Gozo das Feiticeiras

Márcia Frazão

 

Às vezes percebemos o enorme vazio em que se transformou a nossa vida e, como loucas, saímos à cata de algum guru ou de alguma ideologia.

Não conseguimos as respostas para aquilo que 800a8procuramos, pois mais uma vez transformamos a busca em uma tarefa a mais deste louco quartel.

Não compreendemos que as respostas estão dentro de nossos corações e nos recusamos a ouvi-las ...
Lembro que, quando esboçava meus primeiros passos na feitiçaria, quando ainda não conseguia ouvir plenamente a minha voz interna, um dia, numa daquelas reuniões que minha avó estabelecia com suas amigas, recebi o seguinte conselho de Benedita, uma bruxa muito séria, que quase nunca falava comigo...

O conselho se resumia a uma série de atitudes que deveria tomar todos os dias. Passo agora para vocês o que me foi ensinado, esperando que lhes ajude da mesma forma que me ajudou:


1- Ao acordar, antes de fazer qualquer coisa, dirija-se à janela e olhe o dia. Perceba o tempo que faz e observe somente o céu.
2- Ao tomar o café da manhã, procure sentir ao máximo o sabor do alimento e converse com os outros à mesa sobre o que está sentindo.
3- Ao sair de casa, observe atentamente o caminho, parando se alguma coisa lhe chamar atenção.
4- Cumprimente gentilmente as pessoas que encontrar, mesmo as que você não conhece. 5- Ao encontrar algum amigo, converse com ele sobre as coisas que vivenciou até encontrá-lo e lhe diga o quanto está feliz por vê-lo.
6- Dê atenção a cada animal que encontrar, desde o mais ínfimo caramujo até o mais soberbo cachorro.
7- Ao entardecer, pare tudo que estiver fazendo e observe o dia indo embora. Perceba as cores, os cheiros, os sons, o semblante das pessoas e o comportamento da Natureza.
8- Ao jantar, fale de seu dia com aqueles que desfrutam com você o alimento, e agradeça pela comida que agora come.
9- Antes de dormir, converse com a noite e peça-lhe que lhe mostre em sonho aquilo que você necessita ver. Agradeça aos deuses por mais um dia e durma com uma flor debaixo do travesseiro.
Realizando esses pequenos rituais, pelo menos três vezes por semana, com certeza você verá que sua vida tornar-se-á incrivelmente mais livre, e, sua sensibilidade muito mais desenvolvida.

Regresso


meditar[1]

Oi Caríssimos, voltei - após dois anos longe do carinho de vocês, estou de volta.

Criei este blog com a intenção de ajudar a outros, que, assim como eu, anseiam por algo que não conhecem, escutam o chamado, e mesmo sem saber como, precisam fazer algo a respeito…e também para ajudar aos que buscam uma palavra de carinho, ou mesmo uma singela ajuda espiritual para enfrentar seus problemas.

Com a Internet, tornou-se banal a busca por conhecimento em diversos sites e blogs, mas muitas vezes o conhecimento chega distorcido, capenga ou mesmo errado então é preciso muito cuidado ao tornar lei algo que vc encontra na rede.

Eu não compartilho nada em que não acredite…coleto os textos de fontes que considero seguras e verdadeiras e repasso a vocês com os créditos para que tenham a liberdade de procurar e saber mais sobre o autor.

Por hora, é isso…espero que gostem…após dois anos afastada de vcs, temos muito que compartilhar….

Um grande abraço bem carinhoso em todos.


Simpatia para limpar energias negativas

Esta é uma simpatia passada de geração em geração, e que minha avó sempre indicava para todos.

Nem sempre é necessário um ritual complexo para ter um resultado eficaz, as pessoas mais antigas tinham simpatias boas e funcionais.

E como se sabe que muito banho de sal grosso não é bom, usa-se também, colocar sal grosso em ambientes para purificação do local, e muitas pessoas o fazem.

Vamos então à simpatia!

Quando sentir que seu corpo anda cansado demais, estiver quase doente ou desconfiar que te invejaram por algum motivo, faça o seguinte:

Na hora de dormir, basta colocar debaixo de sua cama um copo com 100ml de água e três colheres de sopa de sal grosso.

Quando fizer a mistura, vá até sua cama mexendo com o indicador o sal na água, e coloque embaixo da cama.

Deixe a noite toda, e no outro dia jogue no vaso sanitário e dê uma boa descarga, este vale como a famosa água corrente.

Com a tal mistura vão todas as energias negativas que, caso continuassem no corpo, ajudariam a desenvolver uma debilidade ou doença (do corpo e da alma).

É impressionante o resultado!
 
By Deusas do oriente

Poder e proteção - Parte I

*Cuidado com as pessoas que gostam de pegar no seu braço ou apontar para seu peito quando falam com você. Dê um passo para trás e mire-as firmemente nos olhos. Algumas dessas pessoas podem gostar de alimentar-se da sua boa energia.



*Guarde pregos, agulhas e outros objetos pontiagudos dentro de um pote fosco e lacre-o hermeticamente. Coloque-o em um lugar bem visível da sua casa, mas jamais revele seu conteúdo. Este é um dos mais potentes amuletos contra mau-olhado para nosso lar ou ambiente de trabalho.



*Dois pedacinhos de canela colocados em forma de cruz na porta ou atrás da escrivaninha formam um bom amuleto protetor para seu local de trabalho. A canela é consagrada ao Sol e este afasta as trevas.



*Uma boa maneira de afugentar as energias negativas de sua casa é colocando na porta de entrada o desenho de uma espiral ou pendurando uma espiral de prata. A espiral é um símbolo da Deusa e funciona como uma armadilha que aprisiona todas as forças negativas.



*Para atrair criaturas pequeninas como gnomos, fadas e elfos coloque em seu altar mel, leite, gengibre e cristais. Eles também vão gostar de música alegre e incenso de flores.



*Para atrair os espíritos guardiães, costuma-se enfeitar a casa no último mês do Ano com um arranjo feito com todos os tipos de conchas. Coloque no centro do arranjo uma vela verde.Quando o final do Ano se aproximar acenda a vela e peça que seus guardiães mágicos protejam seu lar durante todo o Ano que vai entrar.



*Esta oração mágica tem o poder de atrair os espíritos guardiães do nosso lar. Pronuncie-a sempre que se sentir desprotegido: "Pequeninos guardiães / Seres da luz infinita / De dia me tragam a paz / De noite os dons da Magia / Invisíveis guardiães / Protejam os quatro cantos da minha alma / Os quatro cantos da minha casa / Os quatro cantos do meu coração!"



*Uma marionete de madeira pendurada na sala de estar pode ser um ótimo guardião mágico segundo a Magia germânica. Dizem que esses bonecos carregam consigo a alma da madeira com que foram feitos e têm a capacidade de harmonizar e trazer boas energias para seu lar.



*Não é aconselhável usar anéis no dedo médio, você jamais verá um mago ou uma bruxa fazendo tal uso. Este dedo é um receptador de energia, um anel neste local impossibilita tais energias de bem circular.



*Muitas vezes nos sentimos pequeninos diante de certas situações ou lugares. Uma receita rápida para enganar o medo é imaginarmos que crescemos e nos tornamos gigantescos. Dessa maneira, enxergando as coisas que nos ferem diminuírem diante de nosso tamanho, sentimo-nos mais fortes e tranqüilos.



*As folhas de louro podem ser utilizadas para uma interessante Magia de poder. Durma com algumas folhas debaixo do seu travesseiro toda vez que tiver alguma situação importante para resolver no dia seguinte. Dessa maneira o elemental desta planta permanecerá a seu lado por um certo período, dando-lhe força e poder pessoal.



*Amarre uma chave, de preferência daquelas bem antigas, numa fita vermelha e pendure atrás da porta. Esta tradição mediterrânea ajudará você a guardar a entrada da sua casa, garantindo-lhe proteção a cada saída.



*Corte uma batata grande, faça um buraco no meio e coloque ali uma noz-moscada. Ela ficou parecida com um olho? A idéia é essa mesma. Isto é Magia imitativa. O "olho de batata" serve contra a inveja. Deve ser colocada em algum lugar bem alto em sua casa. Depois de dois dias jogue-a fora e faça outra sempre que quiser.



*Ao acordar pela manhã, sente-se e cubra-se com o lençol de maneira que seu corpo esteja totalmente envolvido como uma tenda. Pense no dia que está pela frente e medite sobre aquilo que você mais necessita. Este pequeno exercício de meditação teve origem entre os sacerdotes celtas e chama-se "A Tenda de Merlin". Com ele você leva para seu dia somente as coisas boas.



*Um antigo costume cigano para ter uma noite tranqüila consiste em perfumar os quatro cantos da cama com essências florais.



*Sempre que for pela primeira vez na casa de uma pessoa, leve um presente, nem que seja uma flor. Essa é uma maneira respeitosa de se pedir licença às novas energias e de se fazer bem recebido por elas.



*Segundo a tradição cigana pode-se fazer uma pergunta às salamandras acendendo uma vela laranja. Se a chama ficar alta a resposta é sim, se ficar baixa a resposta é não.



*Escreva sobre a casca de uma cebola a palavra "Protectus" (protegido, em latim) e guarde-a num lugar escondido de sua cozinha. A cozinha, laboratório alquímico da bruxa, é o lugar sustentador da vida numa casa. Logo, protegê-la de perigos invisíveis e conservar seu astral sempre limpo é recomendável.



*Um segredo das bruxas é dar nome a todos os seus objetos pessoais. Em Magia acredita-se que quando nomeamos alguma coisa estamos na verdade conferindo poder.



*A espiral representa um dos aspectos da Grande Mãe. Pode ser comparada ao crescente e ao minguante da Lua. é um símbolo de poder e energia. Espirais usadas como adornos e enfeites são poderosos talismãs das Deusas.



*Os druidas acreditavam que o dente do siso servia para um misterioso sortilégio: "teinm laegda" (iluminação do canto). Diziam que colocando o polegar debaixo do dente e mordendo-o, o poder mágico da pessoa aumentava grandemente.



*Uma prática centenária de proteção ao lar consistia em lavar as mãos assim que chegasse da rua. Isso não é apenas um medida higiênica, mas um ritual que marca a passagem do espaço profano para o sagrado.



*Para proteger seu quarto de más influências, ferva uma rosa vermelha junto com folhas de limoeiro e borrife por todo o ambiente. Isso transforma seu quarto em um lugar seguro.



*Quando viajamos sempre ficamos mais vulneráveis pois nos afastamos de nosso lugar de poder, por isso, sempre que partir para alguma viagem leve com você um saquinho com um pouco de verbena e alecrim. Isso protegerá você e seus pertences durante o tempo que estiver viajando.



*Sempre que cumprimentar com um aperto de mão olhe bem dentro dos olhos da pessoa. é num cumprimento que energias negativas e a inveja se transferem com mais facilidade. Dessa maneira você estará protegido e seguro.



*A ametista é uma pedra purificadora. Coloque uma ametista dentro de um copo de cristal com água mineral. Proteja o copo com um lenço de seda branco durante uma noite. No dia seguinte retire a ametista e tome a água. Dizem que esta prática purifica o espírito e clareia a mente.



*Para purificar seu lar prepare um mistura de água mineral com sal e essência de alecrim ou arruda. Introduza uma rosa vermelha na mistura e borrife com ela todos os cantos da sua casa. Quando terminar jogue o conteúdo fora e coloque a rosa em um vaso. Faça isso a cada dois meses.



*Uma antiga tradição conta que a primeira coisa que vemos ao acordar determina os rumos do dia. Então é bom colocar ao alcance dos nossos olhos coisas bonitas e inspiradoras. Uma imagem religiosa, objetos de arte, fotos de entes queridos etc. O importante é enxergar coisas que nos agrade. Afinal, os olhos são a porta da alma.



*É importante conectar-se com a Terra para sentir-se seguro e forte. Uma boa maneira de recarregar-se com a energia da Grande Mãe é sentir toda sua plenitude abraçando demoradamente um árvore ou deitando-se confortavelmente em um jardim. é assim que somos alimentados com seu leite espiritual.



*Esteja sempre aberto para os sinais da Mãe Natureza, quando uma flor, pétala ou folha aparecerem diante de você trazidas pelo vento, preste atenção. Estes podem ser presentes das fadas e ótimos talismãs, guarde-os dentro de seus livros preferidos.



*Para ter um Ano próspero e cheio de alegria coloque em uma cesta doze maçãs (cada uma representando um mês do próximo Ano). Em um dos últimos dias do Ano leve a cesta para um bosque ou jardim, coloque-a em um lugar bem escondido e ofereça aos gnomos.



*O Feitiço de proteção do Lar de Lugh é relativamente simples. Numa Terça-feira, em lua minguante, pegue um vidro com tampa, pintado de preto, vários objetos de ferro pontiagudos (que possam caber dentro do vidro), uma turmalina negra, uma obsidiana, um ônix e uma vela preta. Coloque todos os objetos dentro do vidro, menos a vela. Feche-o. Acenda a vela sobre a tampa e recite: "Eu peço aos Deuses da Proteção / Para que estejam comigo / Que este feitiço seja atado / Para proteger minha casa / E todos que vivem comingo / Pelo poder de três vezes o três / Que assim seja / Que assim se faça!" Coloque o vidro em cima da porta de entrada de sua casa e jamais revele o que há dentro dele para não quebrar o feitiço.



*Para descobrir o seu Animal Guardião, deite-se num lugar tranqüilo, faça uma contagem de 7 a 1, procurando relaxar todo o corpo. Imagine-se entrando numa caverna escura, onde encontrará vários animais. Pergunte a cada um deles se é o seu Animal Guardião. Se o animal ficar em silêncio e ir embora, a resposta é negativa. O animal que lhe responder será o seu Guardião, por toda a vida. Não revele a ninguém o seu Guardião!
 
By Deusas do Oriente


Criei este blog com a intenção de ajudar a outros, que, assim como eu, anseiam por algo que não conhecem, escutam o chamado, e mesmo sem saber como, precisam fazer algo a respeito…e também para ajudar aos que buscam uma palavra de carinho, ou mesmo uma singela ajuda espiritual para enfrentar seus problemas.

Tenho o objetivo de compartilhar com meus amigos e leitores os meus estudos,pesquisas e o que leio sobre assuntos relacionados a Grande Arte.

Eu não compartilho nada em que não acredite…coleto os textos de fontes que considero seguras e verdadeiras e repasso a vocês com os créditos para que tenham a liberdade de procurar e saber mais sobre o autor. Procuro sempre colocar os créditos abaixo das postagens, se acaso esquecer alguma, por favor, avisem-me que colocarei imediatamente.

Espero que possamos caminhar juntos,rumo à Luz e a Sabedoria!Grandes bênçãos a você, amigo visitante!

Boa Viagem!


DEIXA RECADOOOOOOOO

"O aprendiz que você é hoje antevê o mestre que você vai ser. Conhecimento só é poder quando passado para frente. A sabedoria é poder para O OUTRO. Se você é um aprendiz, mas se recusa a ser um mestre, seu aprendizado foi estéril, inútil e provavelmente irreal. Quem aprende DE VERDADE passa o conhecimento para frente."